25.3.12

Dona Gostosa



Laura fez uma semana de vida. Imagino como deve ser delicioso ter um mundo de coisas para se descobrir e nem se ter muita consciência disso. Apenas sentir. Imagino também como essa experiência deve estar sendo absurdamente rica para a Shemesh, a mamãe dela (minha antiga menininha).  Laura toma banho numa banheira rosa e esconde suas partes dos Paparazzi. Muito bem, anjinho! Como boa pisciana, gostou da água! 


Eita pezão! Depois do banho, ela coloca sua fraldinha ecologicamente correta. Laura nasceu de parto natural, humanizado. A mãe dela teve boa dilatação, só precisou de um ponto. Depois de nascer, ela não foi para o berçário. Fica sempre perto da mamãe num bercinho lateral e ali fez as suas 'higienes'.


Com apenas uma semana, depois do banho gostoso, a Dona Gostosa se virou sozinha de bruços e colocou o bumbum para o ar. Sapeca de vida mansa!

Ah, eu sei que você vai dizer que estou precisando ter a minha. Não sei se é um desejo. Alguns sonhos morreram, outros estão apenas adormecidos. Fato é que eu não sei se enfrentaria essa aventura sozinha. Meanwhile, vou curtindo a Dona Gostosa, a quem amo tanto, tanto, tanto... desde que soube que ela existia na barriga da mamãe dela.

2 comentários:

Wating disse...

A gente vai compartilhando...
Amor, a baba, as histórias e logo mais o colo. ;)

Obrigada por tanto amor!

Bibi disse...

Aline, a gente redescobre até o amor que sentia antes (por vc, no caso) e multiplica num grau que é infinito