1.2.13

Eu sou cristã de Cristo e não da igreja



"Creio que Igreja com I maiúsculo não deveria se escandalizar com nada. Quem se enxerga não se escandaliza nunca. Não há nada no próximo que não exista também em mim. O estranho é que Jesus disse para não escandalizarmos os "pequeninos". E Paulo fala de não escandalizar a consciência do mais fraco. O problema no meio evangélico é que quanto mais tempo de casa a pessoa tem, mais escandalizável se torna... E por que? Porque precisa se escandalizar de tudo o que ele sabe que existe em si mesmo, mas não quer admitir. Então usa o "outro" como escândalo daquilo que ele mesmo, honestamente, sabe que existe latentemente em sua própria alma. 


Esse tipo de escândalo tem que ser enfrentado com escândalo. Com choque. Afinal, é doença. É inveja do pecado. Por que evangélico só se escandaliza de dois ou três pecados? Ora, são aqueles que não praticamos externamente e ficamos com raiva quando alguém tira de nós a desculpa de sua realidade velada. Portanto, a Igreja não tem que tratar de ninguém. Ela tem que se enxergar. Quem se enxerga é sempre misericordioso com o próximo, seja ele quem for...

Quem se escandaliza nunca ajuda ninguém. Capacidade de se escandalizar depois de certo tempo na fé denuncia retardamento, não amadurecimento..."
 

[Pr. Caio Fábio]

Um comentário:

Elton Sipião O Anjo das Letras. disse...

A hipocrisia é um defeito sempre latente no falso cristão virtuoso.O famoso caso do sepulcro caiado,bonito por fora mais podre e feio por dentro. E oque está no interior é oque é mais importante. Pelo menos para quem é seguidor de Cristo e não da "IGREJA"!!!