7.11.11

Ciranda da Bailarina


Desses 'danadinhos' chamados Chico Buarque e Edu Lobo (que tive o deleite de ver cantar ao vivo essa canção) para emoldurar o meu dia de domingo (e quiçá momentos de toda uma vida) e para fazer trilha sonora para a pança onde mora a minha Little Shirazi.

Procurando bem

Todo mundo tem pereba

Marca de bexiga ou vacina
E tem piriri, tem lombriga, tem ameba
Só a bailarina que não tem
E não tem coceira
Verruga nem frieira
Nem falta de maneira
Ela não tem

Futucando bem

Todo mundo tem piolho

Ou tem cheiro de creolina
Todo mundo tem um irmão meio zarolho
Só a bailarina que não tem
Nem unha encardida
Nem dente com comida
Nem casca de ferida
Ela não tem

Não livra ninguém

Todo mundo tem remela

Quando acorda às seis da matina
Teve escarlatina
Ou tem febre amarela
Só a bailarina que não tem
Medo de subir, gente
Medo de cair, gente
Medo de vertigem
Quem não tem

Confessando bem

Todo mundo faz pecado

Logo assim que a missa termina
Todo mundo tem um primeiro namorado
Só a bailarina que não tem
Sujo atrás da orelha
Bigode de groselha
Calcinha um pouco velha
Ela não tem

O padre também

Pode até ficar vermelho

Se o vento levanta a batina
Reparando bem, todo mundo tem pentelho*
Só a bailarina que não tem
Sala sem mobília
Goteira na vasilha
Problema na família
Quem não tem

Procurando bem

Todo mundo tem...

4 comentários:

Wating disse...

Dio mio! E na barriga ela dança, chuta, dá cambalhota. uma forma de dizer: curti!
Crescendo ao som de chico buarque, toquinho e vivaldi (pois é), ela vai aos poucos aumentando seu "repertório musical" sem sair da essência. Deliciosa essa postagem! :D

Bibi disse...

Eu acho a musica inteligente e divertida! Casca de ferida é muito coisa de criança! hohoho

Saulo disse...

Todo mundo tem pereba, mas uns tem mais que outros... principalmente as bailarinas! rsrsrs

Bibi disse...

Essa bailarina é de outro mundo!