29.1.11

O melhor sorriso banguela



Já posso dizer que dei a minha contribuição para o mundo. Existe coisa mais linda que fazer alguém dar os seus primeiros passos? Hoje, uma coisinha mais rica que amo muito segurou as suas mãozinhas nas minhas e caminhou seguro. Passinhos firmes, mesmo com as pernas desequilibrando. Sorriso na boca, ainda que sem todos os dentes. Cabelo de espeto, como uma criança travessa.

Para celebrar, nesse calor, ensinei também a chupar gelo. hohoho E ele adorou :) Como é fácil e gostosa a alegria de uma criança, não é? E dá para não ser feliz perto de uma assim: bem no desenrolar de acontecimentos tão importantes na sua vidinha? O melhor sorriso banguela!

Aliás, o segundo melhor.

Meu irmão perdeu um dos olhos quando ainda era bem pequeno em um acidente doméstico. Começou a crescer e veio a fase dos questionamentos. Estava ele com meu Pai no banheiro, quando perguntou:

- Pai, porque eu tenho que tirar o olho para lavar?

Meu Pai, em uma sabedoria santa, deu a melhor resposta para aquele momento: tirou a dentadura e disse:

- Cada um com a sua particularidade, filho. Eu tenho que tirar os meus dentes para lavar.

E deu o melhor sorriso banguela do mundo!

4 comentários:

Ingrid disse...

Hahaha Seu pai sempre me surpreende... Acho q isso nunca vai mudar!

Bibi disse...

Toda hora eu lembro de uma história. Muitas eu já contei, mas sempre são boas histórias. Essa quem lembrou foi o meu irmão.

Meu paizinho era uma figura adorável!

Saulo disse...

Nossa!! Eu não sabia dessa!! Típico dele... inigualável!

Bibi disse...

Tem muitas histórias...