22.4.09

Casos de Família - Mercado


CASOS DE FAMÍLIA

Já tem umas duas semanas que o meu Pai operou [ou mais, já perdi as contas]. Sei já tem um tempinho que ele foi ao médico retirar o dreno e os pontos. 'Seu Doutor' liberou o paciente para pequenos movimentos. Estes, ele já fazia com pontos e dreno pendurado mesmo.

Ao voltar para casa, ganhou uma nova 'companheira': a cinta. Sim! Tem que usar cinta para que a barriga fique no lugar. A questão é que ele tem que usar a cinta e o cinto, já que todas as calças ficaram largas. Até as de elástico. Digo que ele foi fazer lipo e enganou a gente. Ele ri, se sentindo o 'saradão'. Mas eu o tenho chamado de 'Seu Flácido'. Ele ri mais ainda e balança a pelancada ao colocar e tirar a nova 'companheira'.

Está angustiado de ficar em casa. Ele e minha Mãe são muito ativos. Tem seus – vários – afazeres juntos e separados. Minha Mãe continua indo sapecar na rua. Sempre na atividade de formiguinha. Ele fica em casa ou desce para dar uma acelerada no carro. Parado, claro. Resignado.

Hoje a minha Mãe resolveu sair com ele. Foram almoçar fora e cumprir a agenda que mais fazem juntos: dar um pulo no supermercado. Balada de idoso é ir ao mercado encontrar os coleguinhas. A hora da fila é o batidão! 'Seu Flácido' ainda não podia encarar a árdua tarefa de percorrer os corredores desviando de seus opositores [ou disputando carrinho a carrinho a chegada à gôndola]. Ele também não podia voltar para seu lar sozinho. Resultado?

Mãe: Deixei o seu Pai sentado no banquinho enquanto eu fazia as compras.
Bibi: É Mãe?
Mãe: Ih, menina, fica cheio de velho sentado ali.
Bibi: E ele ficou quietinho?
Mãe: Eu mandei ele ficar olhando as morenas passarem...
Bibi: Ah é?
Mãe: É. Mas eu cheguei lá e ele estava cochilando.

Sim. Era muita adrenalina para um dia só.

18 comentários:

jose luis disse...

hahaahaha
adorei
acho que estou quase la'
um beijo nos seus pais
PS nao deixa ele tirar a cinta
ela e' muito importante no pos operatorio
bj

Bibi disse...

Zé: Vc é corujão que nem eu! Sempre vejo seus recados na madruga! Ele só tira para dormir! Mas já vi que na parte de baixo já voltou a formar uma bolsa estranha. Ai ai
Vira filho! Quantos anos você tem? Está quase lá nada! Não acelera o tempo. A vida é dia a dia, hora a hora. Um sorriso após o outro.

jose luis disse...

56
atualmente eu sou o pior filho dos meus filhos
o que da' mais trabalho
na verdade o adolescente da casa

Bibi disse...

31
Eu sou a mais "velha" das amigas em maturidade e personalidade e a mais menina em relação à vida e aos sentimentos. Como disse para o anônimo: posso ter 5 ou 50. Depende do que vamos tratar!
Cuidado com as espinhas!
E não saia de casa sem o casaquinho filho! rs

Ana Martins disse...

HAHAHAHAHAHAHA, Adorei esse diálogo!!! Muito fofo!!!
Beijo!

Lucas Ferraz disse...

hahahahaha

morri de rir com o final!! Adoro seus pais.
Beijão pra eles!!

Bibi disse...

Minha família dava um filme! Comecei escrever até bem tarde! hihihi

Luciana disse...

Muito bom... Bia..
Tô por aqui a navegar... Adorando seus textos, historias, opiniões...
Um barato!
bj
Lu

Bibi disse...

Que Luciana? Conza?

Anne Katheryne disse...

Eita que esse blog vai gerar vários livros.. e eu quero ter todos autografados!!!! ;)

Bibi disse...

Como assim Anne? rs
Gostou da história? rs
Bjs

Saulo disse...

KKKK O que a idade não faz com a gente!!! Coitado do tio! rsrsrs

Bibi disse...

Você acha que ele se abate? Que nada! Ele adora! Vive a sua idade sem o menor peso ou tristeza! Vive com alegria!

Dani Lomba disse...

Nossa eu nem conheço os seus pais, mas o texto que vc escreveu da visita no Hospital...caraca, como eu chorei sozinha, e chorei lendo para o meu pai tb...que coisa LINDA: - essa é a minha vida! (se referindo a sua mãe! Uhlalá).
Meu pai tb é assim, um romantico incorrigível (graças a Deus, pra alegria e felicidade da minha mãe!)
E esse post tb...muito FOFO!
Benção preciosa SÃO OS PAIS!
Beijos pra vcs TRÊS!!
Dani

Bibi disse...

Dani, você chorou com o texto do hospital? E eu nem contei tudo ali!

Minha família é única. Ninguém é muito melado, mas tem seus dias mais doces. Somos independentes e interdependentes. E sempre, sempre muito engraçados. A gente ri da gente mesmo. E quando isso acontece é muito gostoso!

Dani Lomba disse...

Nossa, a minha é totalmente dependende...trabalhamos todos juntos...eu mais 3 irmãos e meu pai! Minha mãe, leva comida pra gente...feliz da vida(na verdade ela leva p o meu pai, a gente fica com as migalhas "raspas e restos").Nunca ví esposa tão puxa saco! Mais é totalmente recíproco!
Com certeza teremos ótimas histórias pra trocar!

Bibi disse...

Que lindo! Temos uma vida inteira para colocar em dia. Só que eu já saio perdendo, porque parte da minha você já leu! hahhahah

Dani Lomba disse...

Perdendo nada!! Quando a gente divide, soma...Vc está a anos luz na minha frente!
Fica tranquila que em duas ou três saidinhas vc me conhece mt bem! Sou transparente como a água de uma nascente na serra!